14 de jun de 2011

A Veracidade da Bíblia

Muitas pessoas questionam a veracidade da Bíblia baseados em boatos de que ela estaria cheia de erros e que teria sido alterada pelo próprio homem ao longo do tempo. O interessante é que as pessoas que desacreditam na Bíblia nunca a leram por inteiro, e muitas vezes nem um trecho.

Então, vejamos!

A Bíblia foi profetizada por Deus em revelação a Malaquias: “Então aqueles que temeram ao SENHOR falaram freqüentemente um ao outro; e o SENHOR atentou e ouviu; e um memorial foi escrito diante dele, para os que temeram o SENHOR, e para os que se lembraram do seu nome.” [Malaquias 3:16].

Nesse trecho da Bíblia, fala que aqueles que temerem ao Senhor contarão Sua história e a passarão de geração em geração, e depois disto escreverão um memorial, ou seja, estas histórias serão escritas em um livro; isto tudo é para que todos saibam e se lembrem do nome de Deus.

Por isto a razão de ser da Bíblia.

A humanidade havia se desviado dos estatutos de Deus; Ele chegou a dizer em Malaquias que tínhamos o agredido com nossas palavras e atos. Por isso Deus passou 400 anos em silêncio após Malaquias.

Depois veio João Batista e Jesus. Mas, antes disto, só tínhamos o livro da lei e dos profetas; depois se juntou a isto os evangelhos. Todos estes livros foram inspirados por Deus e são relatos de experiência real com Ele.

Ao ler a Bíblia não percebo nada que não seja de Deus. Se há algo que foi mudado ou acrescentado ao Cristianismo foi fora da Bíblia como, por exemplo, a idolatria, definições físicas do diabo etc.

Acreditando em Deus, acredita-se em um ser supremo, forte, poderoso, onipresente, onisciente, onipotente; um ser que está no controle de todas as coisas, um ser de superioridade incontestável. E sinceramente, eu não acredito que o homem, em sua insignificante posição poderia enganar Deus, de tal forma que desvirtuaria a Palavra de Deus e Sua vontade.

A Bíblia é a palavra de Deus e expressão de Sua vontade, mas se o que você quer é ter uma experiência pessoal com Deus, digo que você também pode ter, basta que você esteja aberto a isto de coração, em verdade. Pois a Palavra de Deus diz: “E buscar-me-eis, e me achareis, quando me buscardes com todo o vosso coração.” [Jr 29:13].

Por isso, recomendo que busquem de todo o coração e leiam a Bíblia por completo, só assim reconhecerão a sua autenticidade, posto que conhecerão a Deus.

Graça e Paz!

7 de jun de 2011

Conversão de Nicky Cruz por meio de David Wilkerson

Olá, queridos!

Compartilho hoje com vocês este vídeo que é um grande exemplo de amor a Deus, ao próximo e do amor de Deus derramado.



Espero que tenham gostado.

Graça e Paz!

4 de jun de 2011

O grande mandamento

Olá, queridos e amados em Cristo Jesus!

O maior dos mandamentos é o amor! Pois Deus é um Deus de amor, e quer que sejamos pessoas amorosas também com Ele e com todos à nossa volta.

Desde a época de Moisés, profeta e legislador do Senhor, que o maior dos mandamentos é o de amar a Deus sobre todas as coisas.

"Amarás, pois, o SENHOR teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todas as tuas forças." (Deuteronômio 6:5)

Este é um mandamento manifestado por Deus à Moisés, e mesmo depois de muito tempo, Jesus veio e reafirmou que o maior dos mandamentos é amar a Deus acima de tudo e de todos.

"Mestre, qual é o grande mandamento na lei? E Jesus disse-lhe: Amarás o Senhor teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todo o teu entendimento." (Mateus 22:36-37)

O amor não só é o maior como é o primeiro mandamento de Deus: “Aproximou-se dele um dos escribas que os tinha ouvido disputar, e sabendo que lhes tinha respondido bem, perguntou-lhe: Qual é o primeiro de todos os mandamentos? E Jesus respondeu-lhe: O primeiro de todos os mandamentos é: Ouve, Israel, o Senhor, nosso Deus, é o único Senhor. Amarás, pois, ao Senhor, teu Deus, de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todo o teu entendimento, e de todas as tuas forças; este é o primeiro mandamento.” (Marcos 12:28-30)

Sabe por que este é o maior dos mandamentos? Por que quem realmente ama a Deus, ouve, guarda e cumpre seus mandamentos. Por que quando amamos alguém nós queremos agradar esta pessoa, queremos principalmente que ela se agrade de nós. E é assim também com Deus.

Devemos amar a Deus mais que a nossos pais, mais que a nossos filhos, mais que a nós próprios.

“Quem ama seu pai ou sua mãe mais do que a mim não é digno de mim; quem ama seu filho ou sua filha mais do que a mim não é digno de mim.” (Mateus 10:37)

Não basta darmos o nosso máximo a Deus, por isso Ele diz: TODO teu coração, TODA tua alma, TODAS as tuas forças e TODO o teu entendimento. Deus nos quer por inteiro, e devemos amá-lo com todo nosso ser!

Deus deve ser o que temos de mais importante e valioso. Deve estar em primeiro lugar em tudo em nossas vidas. Nas decisões, nos momentos tristes e alegres.

Quando tristes, Ele deve nos consolar; quando alegres, a Ele devemos agradecer; quando preocupados e abatidos, descansemos nEle; quando tivermos de tomar decisões, que decidamos pela vontade dEle.

Deus é fonte inesgotável de amor, e se não buscarmos amar a Deus, como amaremos verdadeiramente ao nosso próximo?

"Se alguém diz: Eu amo a Deus, e odeia a seu irmão, é mentiroso. Pois quem não ama a seu irmão, ao qual viu, como pode amar a Deus, a quem não viu?" (1 João 4:20)

Quando não amamos a Deus de todo nosso ser, estamos contrariando um mandamento de Deus, mais que isso, estamos contrariando o primeiro e maior mandamento de Deus.

“Se alguém não ama o Senhor seja anátema.” (1 Coríntios 16:22)

Anátema é uma pessoa ou algo destinado à destruição; uma maldição, uma praga; um homem amaldiçoado, destinado à mais terrível das tristezas e angústias.

A falta de amor a Deus é um pecado, é desobediência, é maldição.

Contudo Deus tem reservado para você uma infinidade de bênçãos, só é preciso que você O ame verdadeiramente. Que você ande em Seus caminhos.

"As bênçãos coroam a cabeça dos justos" (Provérbios 10:6a)

2 de jun de 2011

Paralelo entre as parábolas: do bom servo e do mau servo, das dez virgens e dos talentos

Olá, amados em Cristo Jesus!

Hoje traçaremos um paralelo entre  três parábolas contados por nosso Senhor e Salvado, Jesus Cristo. E para isto é necessário que, antes de começarmos, vocês leiam os seguintes versículos: Mateus 24:45-51; Mateus 25:1-13 e Mateus 25:14-30.

A parábola do bom servo nos exorta a sermos bons mordomos, a cuidarmos de tudo o que é de Deus com afinco e amor, como se nosso fosse, esperando a Sua volta. Devemos cuidar de anunciar as boas novas, devemos cuidar de amar o nosso próximo, de evangelizar e devemos cuidar de cumprir os mandamentos do Senhor.

A parábola das 10 virgens nos exorta à santidade, a nos guardamos em santidade e honra para a vinda do Senhor.

A parábola dos talentos exorta-nos a fazer uso dos dons de Deus de acordo com nossas habilidades. Nossa recompensa será de acordo com o nosso rendimento.

Mas o que todas estas parábolas tem em comum?

- Todas elas são contadas por Jesus, que nos falou em parábolas para que fosse cumprido o que estava escrito na lei pelos profetas.

“Tudo isto disse Jesus, por parábolas à multidão, e nada lhes falava sem parábolas; Para que se cumprisse o que fora dito pelo profeta, que disse: Abrirei em parábolas a minha boca; Publicarei coisas ocultas desde a fundação do mundo.” (Mateus 13:34-35)


“Não penseis que vim revogar a Lei ou os Profetas; não vim para revogar, vim para cumprir.” (Mateus 5:17)

- Todas elas falam de como será quando da vinda de Jesus; quem serão os escolhidos e o que acontecerá com os que não serão escolhidos.

- E principalmente elas exortam para que estejamos preparados, pois ninguém sabe quando será o Dia do Senhor.

Todas estas parábolas nos exortam para que nos preparemos para o dia da volta de nosso Senhor Jesus Cristo, cada uma à sua maneira.

Isto tudo foi dito por Jesus não para que fiquemos com medo, pois o medo é reservado para os que são do mundo.

Nós crentes em Jesus devemos nos alegrar com a vinda do Senhor, e nos preparar estando em santidade, separados para Ele. Servindo-o com excelência. Sendo fiel a Ele como Ele é conosco. Sendo sal e luz neste mundo. Tendo o caráter de Cristo, sendo suas testemunhas. Guardando e cumprindo os mandamentos de Deus.

Peça para que Deus examine o seu coração, e se houver algo que esteja em desacordo com a Vontade de Deus, peça para que Ele mostre isso a você para que você possa pedir perdão; peça que Deus tire isso de você, que Ele o transforme, o molde segundo a vontade de Deus.

Diga a Deus: Faça-se a Tua vontade, Senhor, e não a minha. Que eu esteja no centro da Tua vontade e que eu não me desvie dEla. Que Teus caminhos sejam retos e planos a meus pés. Que a Tua alegria Senhor, seja a minha força para sujeitar meus desejos a Ti.

Graça e Paz!