18 de mar de 2011

O testemunho no modo de se vestir


Testemunhar é declarar algo para alguém. Jesus nos encarregou de sermos suas testemunhas “...mas recebereis poder, ao descer sobre vós o Espírito Santo, e sereis minhas testemunhas tanto em Jerusalém, como em toda a Judéia e Samaria, e até aos confins da terra.” (Atos 1:8).

Devemos testemunhar de Cristo não só com palavras, mas também com ações em nosso dia a dia, com o nosso caráter e nosso modo de ser.

O nosso comportamento de uma forma geral: modo de falar, de se portar nos ambientes; refletem quem nós somos. E isto acontece também com a maneira com que nos vestimos.

Deus em sua Palavra, em várias passagens, nos ensina como devemos nos vestir. Ele quer ser lembrado a todo momento; que andemos em seus mandamentos; que sejamos santos e que não sigamos os nossos próprios desejos.


“E falou o SENHOR a Moisés, dizendo: Fala aos filhos de Israel, e dize-lhes: Que nas bordas das suas vestes façam franjas pelas suas gerações; e nas franjas das bordas ponham um cordão de azul. E as franjas vos serão para que, vendo-as, vos lembreis de todos os mandamentos do SENHOR, e os cumprais; e não seguireis o desejo do vosso coração, nem dos vossos olhos, após os quais andais adulterando. Para que vos lembreis de todos os meus mandamentos, e os cumprais, e santos sejais a vosso Deus.” (Números 15: 37-40). Nesta passagem está bem claro que o desejo de Deus é que nos vistamos de modo que nos lembremos que somos dEle e que todos percebam isto.

“Que do mesmo modo as mulheres se ataviem em traje honesto, com pudor e modéstia” (I Timóteo 2:9). Pudor quer dizer recato, resguardo, segredo, de forma a não se expor às vistas; modéstia quer dizer a mesma coisa, é o desejo de não se exaltar em si mesmo, de modo puro e virtuoso.

Devemos mortificar nossas vontades e desejos e fazer prevalecer a vontade do SENHOR em nossas vidas - É necessário que ele cresça e que eu diminua.(João 3:30).

É importante que todos quando nos vejam sintam a presença do nosso SENHOR, por isto não devemos ser vaidosos e nos vestir de acordo com os padrões do mundo. "Porque noutro tempo éreis trevas, mas agora sois luz no Senhor; andai como filhos da luz" (Efésios 5:8).

A vaidade é um pecado perigosíssimo, pois como li uma vez no Pulpito Cristão, a vaidade transformou anjos em demônios.

11 de mar de 2011

A Bíblia é realmente Sagrada para você?


Se você realmente acredita na Bíblia como inspiração de Deus, como sendo a Palavra do Deus vivo, porquê você se regozija com filmes e seriados que insultam a Bíblia e a distorcem?

Isto deveria ser repulsivo para você que ama a Deus.

"Sabendo primeiramente isto: que nenhuma profecia da Escritura é de particular interpretação. Porque a profecia nunca foi produzida por vontade de homem algum, mas os homens santos de Deus falaram inspirados pelo Espírito Santo" (2 Pe 1:21-22).

A Bíblia é Sagrada e por isto, inviolável.

Quando digo isto, falo de seu conteúdo, do qual não deve ser mudado nem uma vírgula. Todos aqueles que aumentarem ou diminuirem a Palavra de Deus pagarão um preço caro (Ap. 22:18-19).

A Palavra de Deus merece o devido respeito.

Alguns destes filmes falam em quedas de anjos, em proteção do anticristo, anjos que se rebelam, pactos demoníacos; enfim, contam uma estória que não é bíblica. Outros simplesmente zombam de Deus fazendo comédia com as histórias e personagens bíblicos.

"Não vos enganeis: de Deus não se zomba; pois aquilo que o homem semear, isso também ceifará" (Gl 6:7).

Tais filmes são uma terrível ofensa a Deus.

Blasfêmia!

A blasfêmia contra o Espírito não será perdoada (Mt 12:31).

É inadmissível que você, crente no Senhor, compactue com isto!

1 de mar de 2011

O valor de um discipulador


Estive visitando o Blog do Líder, e encontrei um texto que é uma bênção e achei por bem reproduzi-lo aqui:

A sabedoria determina o sucesso na vida e no ministério. Qual o motivo de não termos um bom casamento? Nos falta conhecimento de como obtê-lo. Qual a razão da falta de dinheiro? Nos falta conhecimento de como adquiri-lo e guardá-lo.

A sabedoria é a chave para o sucesso e a vitória.

Você pode adquirir sabedoria de duas formas:
1. Através dos erros;
2. Através de discipuladores ou mentores.

A sabedoria é a chave e ela é melhor adquirida por meio de instrutores, mentores ou discipuladores.

1. O seu discipulador é uma das chaves do seu crescimento - Pv. 4:7 " A sabedoria é a coisa principal; adquire pois a sabedoria, emprega tudo o que possuis na aquisição de entendimento.", Pv 8:17 "Eu amo aos que me amam, e os que cedo me buscarem, me acharão."

O discipulador é um canal de Deus para transmitir a sabedoria aos seus filhos. Ele é uma fonte de instrução.

2. O discipulador transfere sabedoria a você por meio do relacionamento - Pv. 13:20 "O que anda com os sábios ficará sábio, mas o companheiro dos tolos será destruído."

Se desejo receber algo eu preciso me dispor a um tipo de relacionamento que resulte numa identificação.

3. O discipulador faz crescer a sua influência - Dt. 34:9 "E Josué, filho de Num, foi cheio do espírito de sabedoria, porquanto Moisés tinha posto sobre ele as suas mãos; assim os filhos de Israel lhe deram ouvidos, e fizeram como o SENHOR ordenara a Moisés."

A influência e autoridade do discípulo está ligada ao discipulador. Aqueles que ignoram o seu próprio discipulador não recebem reconhecimento.

4. É o discipulador quem garante promoção e honra - Pv. 4:8-9 "Exalta-a, e ela te exaltará; e, abraçando-a tu, ela te honrará. Dará à tua cabeça um diadema de graça e uma coroa de glória te entregará."

Somente aqueles que humildemente se submetem ao discipulado serão honrados, porque somente eles crescerão em sabedoria.

5. O bom discipulador exige que você o procure.

A prova do desejo é a busca. O maior equívoco é pensar que o discipulador deve ficar atrás dos discípulo mimando-o. A postura correta é o discípulo procurá-lo.

Eu amo os que me amam; os que me procuram me acham. Pv. 8:17

O que impede o discípulo de procurar o discipulador é o ego. Humildes procuram e aprendem, mas arrogantes sempre desejam ser procurados.

6. O bom discípulo aumenta os seus recursos naturais e espirituais.

É a sabedoria que resulta em prosperidade, mas é o discipulador que será o instrumento de transmissão dessa sabedoria.

Sabedoria é a capacidade de usar com inteligência o depósito de tudo que se aprendeu e a experiência daqueles que sabem “o caminho das pedras”.

Riquezas e honra estão comigo, bens duráveis e justiça. Pv. 8:18

7. O seu discipulador não é necessariamente seu melhor amigo

O discipulado não deve ser confundido como um relacionamento de amizade, pois envolve um principio superior que é o princípio da autoridade.

• O seu amigo se sente confortável com o seu passado, mas seu discipulador olha o seu futuro.
• Seu melhor amigo está indiferente e ignora as suas fraquezas, mas seu discipulador as elimina.
• O seu amigo é o seu líder de torcida, mas o discipulador é o técnico.
• Seu melhor amigo destaca o que você fez corretamente, mas seu discipulador destaca o que você fez equivocadamente para que possa ser aprimorado ensinando a fazer cada vez melhor.

Então se você tem um discipulador ou um mentor, honre-o e veja-o como a pessoa que Deus colocou na sua vida para transferir sabedoria, unção e honra sobre você.